Quinta-feira é um dos melhores dias para ver a Estação Espacial Internacional no Algarve

Percurso que a Estação Espacial Internacional fará no final do dia desta quinta-feira

Se o estado do tempo ajudar e as nuvens permitirem observar o céu ao final da tarde, aproveite para ver passar a estrutura à vista desarmada. O Jornal do Algarve explica-lhe como

DOMINGOS VIEGAS

Esta quinta-feira, ao fim da tarde e início da noite, será uma das melhores alturas deste ano para os algarvios observarem a Estação Espacial Internacional (ISS, sigla em inglês de International Space Station), já que esta passará sobre a região a 61 graus em relação à linha do horizonte.

A ISS pode ser observada e fotografada à vista desarmada e sem necessidade de qualquer equipamento especial. É o terceiro objeto mais brilhante no céu, logo a seguir ao Sol e à Lua.

Nesta quinta-feira, a ISS pode ser observada entre as 18h08 e as 18h17, deslocando-se de noroeste para sueste. A melhor altura para a observação é às 18h13, quando a estrutura se encontrar a sudoeste do observador que estiver na região algarvia.

A passagem que acontece entre as 07h01 e as 07h11, do próximo dia 24, de sudoeste para nordeste, também poderá permitir uma boa observação, mas como será a 52 graus em relação à linha do horizonte não será tão espetacular como a desta quinta-feira.

A Estação Espacial Internacional sobrevoando o Estreito de Gibraltar, depois de ter passado pelo Algarve

ISS passa 16 vezes por dia sobre nós

Refira-se que a ISS passa 16 vezes por dia sobre nós e as observações são possíveis quase diariamente, mas na maioria das passagens a observação é praticamente impossível. A estrutura só pode ser vista quando o observador tem sobre si um céu suficientemente escuro e a estação espacial está a refletir os raios do sol.

Fique também a saber que, se reside no Algarve, pode considerar-se um privilegiado para a observação daquela estrutura. É que esta nunca é observável por quem se encontra a latitudes superiores a 51,6 graus.

A estação espacial consegue completar uma volta à Terra em apenas 90 minutos, já que se desloca a uma velocidade de cerca de 28.000 quilómetros/hora. Porém, como está a uma altitude de cerca de 400 quilómetros, quem observa fica com a ideia de que se trata de uma deslocação, de certa forma, lenta ao longo do céu, pois consegue ver o seu movimento durante alguns minutos. Como curiosidade, refira-se que, àquela velocidade, os astronautas podem ver o nascer e o pôr-do-sol 16 vezes por dia.

Centro de investigação no espaço

A EEI é um centro de investigação colocado na órbita terrestre e está considerada uma das maiores obras da engenharia. Funciona como uma estação espacial permanente tripulada, na qual trabalham, alternadamente, astronautas e investigadores das cinco agências espaciais envolvidas no projeto.

A sua administração, gestão e desenvolvimento está a cargo de uma cooperação internacional que envolve a Agência Nacional da Aeronáutica e do Espaço norte-americana (NASA), a Agência Espacial Europeia (ESA), a Agência Espacial Federal Russa (FKA), a Agência Japonesa de Exploração Espacial (JAXA) e a Agência Espacial Canadiana (CSA).

You must be logged in to post a comment Login