Mais de metade dos alojamentos têm acesso para cadeira de rodas

Algarve está na linha da frente no turismo acessível

Este alojamento, em Boliqueime, é um dos muitos que está preparado para receber turistas com mobilidade reduzida no Algarve

O Algarve é a região do país mais preparada para receber viajantes com mobilidade reduzida. Ao todo, 56% dos alojamentos da região estão preparados para receber viajantes com algum tipo de deficiência, contra apenas 9,5% em Lisboa. Albufeira, Lagos e Quarteira são as localidades mais bem preparadas para receber estes turistas a nível nacional

 

Mais de metade (56%) dos alojamentos na região do Algarve estão preparados para receber viajantes com mobilidade reduzida, conclui a plataforma HomeAway. Em Portugal, essa média cai para cerca de 30% dos alojamentos registados no portal.

Assim, na lista dos distritos portugueses com mais oferta de alojamentos para pessoas com mobilidade reduzida surge, em primeiro lugar, Faro (56%), seguido de muito longe por Lisboa (9,5%), Madeira (6,9%), Leiria (6%) e Setúbal (4%).

“Faro é o distrito que regista uma maior percentagem de alojamentos com condições especiais de acesso”, salientam os responsáveis da plataforma, adiantando que, em Portugal, verifica-se que as localidades que oferecem mais alojamentos preparados para o turismo acessível em todo o país são Albufeira (13%), Lagos (6%) e Quarteira (5%)…

(NOTÍCIA COMPLETA NA ÚLTIMA EDIÇÃO DO JORNAL DO ALGARVE – NAS BANCAS A PARTIR DE 21 DE JUNHO)

Nuno Couto|Jornal do Algarve

You must be logged in to post a comment Login