Fábrica de conservas convertida há 10 anos em “fábrica de histórias”

Museu de Portimão comemora aniversário no sábado com muitas surpresas

.

No próximo sábado, dia 19 de maio, o Museu de Portimão comemora 10 anos de porta aberta. Este equipamento cultural foi inaugurado em 2008, após a conversão da antiga fábrica de conservas Feu numa “fábrica de histórias”.

Neste dia, às 16h00, realiza-se a inauguração da exposição “Gentes da terra e do mar”, uma mostra que permitirá um olhar sobre a dualidade de realidades que sempre estiveram presentes na evolução de Portimão: por um lado, as atividades ligadas à terra e, por outro, a pesca artesanal e industrial. Nesta ocasião, os visitantes serão convidados a descarregar a nova app do museu ou a colocar os óculos de realidade aumentada para viverem uma experiência digital com guias multimédia.

Às 17h30, ao som do acordeão, junto do transportador de peixe, no exterior do museu, será partido o bolo do 10º aniversário, alusivo à terra e ao mar, e oferecida uma degustação com diferentes iguarias acompanhadas por uma seleção de vinhos regionais.

As comemorações do décimo aniversário continuam, a partir das 21h00, com o museu associado à iniciativa “Noite Europeia dos Museus”, que por toda a Europa se celebra nesta data. A fachada da antiga fábrica ganhará uma nova vida com um magnífico espetáculo de luz e cor e com a atuação de Ana Paula Rada, a jovem portimonense, aluna da Academia de Música de Lagos, que se destacou na última edição do programa “The Voice Portugal”, com um segundo lugar.

Ainda nesta ocasião a performance de dança contemporânea intitulada “Petingas em rede”, pela Dancenema, convidará todos os presentes a entrar no museu de lanterna na mão para descobrir o outro lado deste espaço ao som das guitarras do Conservatório de Música de Portimão.

Comemorações decorrem até ao final do mês

O programa das comemorações está a decorrer durante o mês de maio, estando ainda agendadas duas iniciativas até ao final do mês. Hoje, dia 17, às 18h00, o lançamento da segunda edição “Cartas de Manuel Teixeira Gomes a João de Barros”, uma iniciativa conjunta das câmaras de Portimão e da Figueira da Foz, que contará com a apresentação de Guilherme de Oliveira Martins e, no dia 26 de maio, às 17h00, a inauguração de duas exposições: “Tesouros do Mar”, de Vera Christians, que reflete aspetos da vida marinha, e uma mostra de imagens intitulada “Rio Arade – Uma maré cheia de Histórias”, que pretende dar a conhecer a evolução das atividades económicas, desportivas e culturais relacionadas com o rio Arade.

No dia 18, Dia Internacional dos Museus, o museu de Portimão tem entrada gratuita e convida os visitantes a testarem a nova aplicação que será apresentada no dia seguinte, dia 19 de maio, no âmbito do 10º aniversário, como uma forma de ampliar a “hiperconexão” do museu.

O museu de Portimão foi distinguido em 2010 com o prémio “Museu Conselho da Europa”. Realizou, entre 2008 e 2018, mais de 60 exposições e recebeu cerca de 560 mil visitantes de inúmeras nacionalidades.

JA

You must be logged in to post a comment Login