Homem assassinado com golpes de bastão em Castro Marim

A vítima Carlos Corriente tinha 64 anos e foi assassinado em casa, em Rio Seco, Castro Marim

O Ministério Público (MP) de Vila Real de Santo António apresentou a primeiro interrogatório um homem de 37 anos de idade, pela prática de um crime de homicídio qualificado, tendo o suspeito ficado em prisão preventiva.

“Há suspeitas de o arguido, após uma discussão com o ofendido, lhe ter dado uma pancada na cabeça com um bastão em madeira, que o matou”, adianta o MP.

Os factos ocorreram no passado dia 26 de março, pelas 3h00 da manhã, no interior da casa da vítima, em Rio Seco, concelho de Castro Marim. Várias pessoas chegaram a organizar buscas para encontrar a vítima nos dias seguintes, mas sem sucesso.

Já na passada terça-feira, 3 de abril, o arguido foi a um posto da GNR, onde confessou os factos.

“O inquérito prosseguirá agora os seus termos na secção de Vila Real de Santo António do DIAP de Faro”, informa o MP.

O JORNAL DO ALGARVE sabe que a vítima era Carlos Corriente, de 63 anos, que vivia sozinho em Rio Seco. A vítima era primo de Paco de Lucia e foi o grande impulsionador do concerto que o guitarrista deu em Castro Marim, em agosto de 2005.

JA

You must be logged in to post a comment Login