Incêndio: PSD Algarve quer que “todas as responsabilidades sejam apuradas”

.

.

O PSD Algarve acaba de solicitar às autoridades competentes para que “se empenhem em apurar as causas do incêndio” que lavra há três dias em Monchique e “que, se se demonstrar que há indícios de mão criminosa, se tomem todas as medidas para punir exemplarmente os responsáveis”.

Os sociais democratas algarvios entendem que “perante um fogo destas dimensões, o qual seguramente acarreta prejuízos significativos, se apoie quem precise, seja na reconstrução de edificado seja no restabelecimento do potencial produtivo”, referem em comunicado enviado às redações.

O PSD diz ainda que “toma como ofensivas as declarações do ministro Eduardo Cabrita, que afirmou ‘o que está a acontecer neste momento, ao longo deste fim de semana, é a prova de que esse trabalho (do último ano) valeu a pena e que produziu resultados'”, o que, para os sociais democratas “não é mais que um triunfalismo absurdo que causa compreensível transtorno e indignação a muitos afectados que assistem impotentes ao flagelo do incêndio de Monchique, bem como a todos os algarvios”.

No mesmo comunicado, o PSD Algarve envia “um abraço fraterno a todos os monchiquenses, na pessoa do presidente da autarquia, Rui André, que têm enfrentado com coragem esta provação, bem como um agradecimento a todos as forças de combate cujo empenho e dedicação têm sido tão notáveis quão difícil é o seu labor”.

“Registamos também reconhecidos a mobilização dos algarvios que procuram auxiliar as populações tocadas pela tragédia, com açcões solidárias de grande importância. O PSD Algarve endereça os seus votos de rápida recuperação a todos os feridos, esperando que não se registem mais vítimas”, acrescenta.

You must be logged in to post a comment Login