Festival de marionetas promete contagiar Loulé

Município acolhe pela primeira vez o FOMe

Punch and Judy

Loulé acolhe pela primeira vez o FOMe – Festival de Objetos e Marionetas e Outros Comeres, uma programação e produção da Companhia de Teatro do Algarve (ACTA), numa parceria em rede entre cinco municípios do Algarve central: Faro, Loulé, Olhão, São Brás de Alportel, Tavira e Albufeira.

No domingo, dia 16 de setembro, data de início do festival no concelho, há lugar a vários espetáculos. Os robertos, descendentes do pulcinello italiano, do guignol francês e do punch inglês, ocupam a esplanada do restaurante “11 da Villa” em Loulé, pelas 11h30, onde a companhia “A Barraca do Gregório”, de Lagoa, apresentará um espetáculo com duas histórias: “D. Roberto e a namorada” e “O burro teimoso”. No mesmo lugar, pelas 12h00, é a vez de “Pulcinella”, pelas mãos de Irene Vecchia, companhia italiana, trazer a técnica de bonecos de luva com a personagem principal a encenar o eterno conflito entre o bem e o mal.

Pela tarde do mesmo dia 16, descentralizam-se as atividades do FOMe e é em Quarteira, na Praça do Mar, pelas 18h00, que se inicia o espetáculo “Punch and Judy” por Clive Chandler (Inglaterra), um profissional com mais de 30 anos de experiência no teatro tradicional de marionetas. O “professor” Clive encena uma performance muito ritmada e bem-humorada. Pelas 18h30, no mesmo local, é a vez da companhia portuguesa de Vila do Conde, “La Fontana – Formas Animadas”, levar a palco um teatro de caraterísticas genuinamente populares, “onde os atores são bonecos que falam, dançam, brigam e, quase sempre, morrem”, explicam os autores.

“O maior evento ibérico do género”

“Un Elefante com Hambre”, da responsabilidade da companhia argentina Tuti, cuja exibição terá lugar no Claustro do Convento do Espírito Santo, em Loulé, acontece no sábado, 21 de setembro, de manhã, às 10h30. A mesma peça é exibida também, no mesmo dia, no Largo da Igreja de Querença, às 18h30.

Já a associação cultural Radar 360 (Porto) é a responsável pelo espetáculo multidisciplinar “Os Transportadores”, que terá lugar no dia 26 de setembro, pelas 22h00, no parque de viaturas da câmara municipal, em Loulé.

A 28 de setembro encerra a programação do FOMe em Loulé com “Janet”, de Helenand John (Inglaterra), desta feita no Claustro do Convento do Espírito Santo, pelas 21h00.

Segundo a ACTA, o FOMe “possivelmente trata-se do maior evento ibérico do género em dimensão territorial e objetivos programáticos”, uma vez que, pela primeira vez na história do festival, este ano, aderiram ao projeto todos os municípios do Algarve central (Albufeira, Faro, Loulé, Olhão, São Brás de Alportel e Tavira), contribuindo assim para alargar o seu território de influência, envolvimento e impacto junto do público.

Em Loulé todas as atividades do FOMe – Festival de Objetos e Marionetas e Outros Comeres são de acesso gratuito.

JA

You must be logged in to post a comment Login