Lagos e Vila do Bispo integram projeto para criar “índice de sustentabilidade”

Lagos (na imagem) e Vila do Bispo são dois dos 21 municípios portugueses que vão ajudar a criar o “Índice de Sustentabilidade”, que procurará refletir o nível de sustentabilidade de cada município do país

Lagos e Vila do Bispo fazem parte dos 21 municípios portugueses que integram o projeto CESOP-LOCAL, com o objetivo de criação de um observatório do conhecimento, envolvimento e participação dos cidadãos nas medidas de sustentabilidade.

O Centro de Estudos e Sondagens de Opinião (CESOP) está inserido na Universidade Católica Portuguesa, onde são desenvolvidos estudos com o intuito de criar conhecimento no campo das realidades políticas, sociais e culturais da sociedade portuguesa.

Recentemente, foi criado o CESOP-LOCAL que visa, em parceria com os municípios, realizar estudos aplicados em territórios administrativos, catalogados através de conhecimento, envolvimento e participação dos cidadãos nas medidas de transição para a sustentabilidade implementadas no terreno. Neste sentido, será criado o “Índice de Sustentabilidade CESOP-LOCAL”, que procurará refletir, num único valor, o nível de sustentabilidade de cada município do país.

Numa primeira fase, participarão como parceiros deste projeto 21 municípios, entre os quais se encontram Lagos e Vila do Bispo. Os restantes municípios participantes são Águeda, Alcochete, Alenquer, Alter do Chão, Braga, Cascais, Chamusca, Chaves, Fundão, Horta, Loures, Mação, Palmela, Santarém, Santo Tirso, Sintra, Torres Vedras, Valongo e Vila Franca de Xira.

JA