Explosão em Castro Marim: Mãe pode ter ateado fogo ao quarto

.

Luciana Garcia, a médica dentista que morreu ontem em Castro Marim (Algarve) com os dois filhos, na sequência de uma explosão, terá regado a mobília com gasolina e ateado fogo. As crianças morreram com a mãe num quarto, segundo adianta esta quinta-feira o Correio da Manhã.

A explosão que conduziu à morte da médica dentista de nacionalidade brasileira e dois dois filhos está a ser investigada pela PJ de Faro, auxiliada por peritos do Laboratório da Polícia Científica, tendo concluído que não existiu intervenção de terceiros no fogo posto.

One Response to "Explosão em Castro Marim: Mãe pode ter ateado fogo ao quarto"

  1. A Romeira   23/08/2012 at 20:42

    vejam a crise social que temos, esta senhora sempre me pareceu uma pessoa com bons principios, termina desta forma levando consigo os filhos, nos próximos anos, infelizmente, muitos terão o mesmo fim.
    Esta conversa foi-me feita por um especialista em psicologia criminal à cerca de dois anos, agora acredito em tudo o que me disse.

You must be logged in to post a comment Login