Corpo de Arafat será examinado por especialistas suíços

.

O corpo de Yasser Arafat, ex-presidente da Autoridade Nacional Palestiniana, será examinado por especialistas na Suíça. Há suspeitas que Arafat, morto em 2004, em Paris, na França, tenha sido envenenado. Os exames foram autorizados pela viúva Suha Arafat. É a segunda vez que os restos mortais de Arafat são sujeitos a perícias.

Os especialistas do centro suíço aguardam apenas os trâmites burocráticos para seguir viagem até a Cisjordânia, onde está o corpo de Arafat.

De acordo com as suspeitas, Arafat pode ter sido envenenado com uma substância tóxica radioativa, denominada polónio. No mês passado, o instituto suíço informou ter descoberto uma quantidade anormal de polónio quando analisou amostras biológicas em objetos pessoais do líder palestiniano.