10 toneladas de haxixe apreendidas num barco no Mediterrâneo

A droga e a embarcação apreendidas foram transportadas para as instalações do ponto de apoio naval de Portimão da Marinha Portuguesa

A Polícia Judiciária deteve seis homens e apreendeu 10 toneladas de haxixe numa embarcação de pesca transformada em barco de recreio que navegava no mar Mediterrâneo.

O haxixe apreendido estava acondicionado em 333 fardos numa embarcação de pesca transformada em embarcação de recreio, que também foi apreendida e levada para Portimão.

A droga estava a ser conduzida para um país africano na bacia do Mediterrâneo, para depois ser distribuída por outros países, incluindo europeus.

Os elementos deverão integrar uma organização criminosa de dimensão transnacional com fortes apoios em Portugal, que se tem dedicado nos últimos anos ao tráfico de grandes quantidades de droga, informa a PJ numa nota enviada às redações.

“A bordo da embarcação intercetada seguiam seis homens, dois de nacionalidade portuguesa e quatro de nacionalidade estrangeira, que foram detidos e que de acordo com os elementos probatórios já coligidos integrarão uma organização criminosa de dimensão transnacional com fortes apoios em Portugal que desde há vários anos a esta parte se vinha dedicando ao tráfico de grandes quantidades de droga em vários países”, adianta a marinha em comunicado.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 20 e os 61 anos de idade, irão ser presentes às autoridades judiciárias competentes para serem ouvidos em sede de primeiro interrogatório judicial de arguido detido e submetidos às medidas de coação consideradas adequadas.

A investigação prossegue a cargo da Polícia Judiciária em cooperação com as autoridades de outros países.

JA